Os cafés mais cool de Porto Alegre

Porto Alegre é uma cidade com muitos cafés bacanas para se visitar. Eu e o Henrique adoramos sentar no meio da tarde, descansar as pernas e tomar um bom cafezinho com um bolo bem molhadinho. Em POA, todos os dias pegávamos o Google Maps e zanzávamos atrás de boas cafeterias.

Ficamos hospedados no Centro Histórico da Cidade durante nossa passagem de 4 dias pela cidade. Logo no primeiro dia já descobrimos uma preciosidade pertinho do nosso AirBnB, o Café do Duque. Almoçamos dois dias lá, culpa de um sanduíche delicioso de Caprese (mozzarella di bufala, tomate, azeite de oliva e espinafre por apenas R$20,00, sendo que dava para nós dois de tão grande que era). Depois do almoço também tomamos um espresso muito gostoso (R$5,00) e comemos um brigadeiro (R$3,00). Além disso, o café oferecia bolos e docinhos fresquinhos. Acabamos experimentando apenas o sanduíche de cookies com Nutella e sorvete, de dar água na boca!

Endereço: Rua Duque de Caxias, 1354 – Centro Histórico de Porto Alegre (pertinho do Viaduto Otávio Rocha, mais conhecido como Viaduto da Borges)

Horário: segunda a sexta, das 10h às 19:30, e sábado, das 12h às 19:30. Fechado aos domingos.

Perfeito para ir: em uma visita ao Centro Histórico de POA (Catedral, Viaduto da Borges, Praça da Matriz)

Para mais informações acesse o Facebook do café

(Reprodução: Facebook/Café do Duque)
(Reprodução: Facebook/Café do Duque)
(Reprodução: Facebook/Café do Duque)

Também visitamos o bairro Moinhos de Vento, considerado um bairro nobre de Porto Alegre. Lá também procuramos (como sempre) por um lugar para descansarmos um pouco e tomar um bom espresso (RS5,00). Paramos na “Vive le Café”. Com certeza muito diferenciado: possui um ambiente elegante e doces delicados. Comemos um crumble de Banana com doce de leite (R$13), que junto ao espresso formou a combinação perfeita para um café da tarde aconchegante. Como estávamos já perto da janta, optamos por comer menos. Super recomendo pelo conjunto da obra.

Endereço: Praça Dr. Maurício Cardoso, 23 – Moinhos de Vento (tem que subir uma escadaria, pois fica na parte de cima da construção)

Horário: segunda a sexta, das 12h às 20:30, e sábado, das 14h às 20h. Fechado aos domingos.

Perfeito para ir: em uma passada descontraída pelo charmoso e calmo bairro Moinhos de Vento, reduto de ótimos restaurantes e cafés

Para mais informações acesse o site do café

(Reprodução: Facebook/Vive le Café)
(Reprodução: Facebook/Vive le Café)
(Reprodução: Facebook/Vive le Café)
(Reprodução: Facebook/Vive le Café)

Leia também: 10 coisas que você não deve deixar de fazer em Porto Alegre


O bairro Cidade Baixa é conhecido como o bairro boêmio de POA. Mas durante o dia ele não decepciona com seus cafés. Conhecemos dois estabelecimentos em uma tarde de passeio: Café República Cup e Agridoce Café.

O Café República Cup se destaca mais como cafeteria mesmo. Possui diferentes formas de extração do grão de café e diferentes prensas, que resultam em cafés diferentes. Uns cafés saem mais fortes, outros mais suaves. Isso tudo depende do que é mais ou menos extraído do café. Nós estamos muito longe de ser entendedores de café, mas escolhemos experimentar a “French Press” para entender um pouco sobre essas diferenças de sabor. O café é preparado num recipiente cilíndrico com um pistão, que é pressionado sobre a água quente e o café. O ponto ideal de moagem é uma moagem média, consistente e uniforme. A prensa então ficou 2 minutos em nossa mesa e veio com uma espécie de despertador, que apitou assim que o tempo esgotou. Depois disso, tomamos o café. Gostamos muito do sabor e da consistência dele. Havia no cardápio muitos outros métodos, mas infelizmente não conseguimos experimentar todos. O ambiente era muito convidativo e com mesas confortáveis para se sentar. A música era tão boa, mas tão boa, que não queríamos nem sair de lá kkkkk. Variava desde Jack Johnsson, Eddie Vedder e tantos outros bons cantores. Os atendentes também foram muito solícitos e inclusive um deles nos explicou todos os processos de preparação e moagem. Recomendamos pelo conjunto da obra e pela excelência quando o assunto é café.

Endereço: Rua da República, 358 – Cidade Baixa

Horário: terça a domingo, das 12h às 20h. Fechado às segundas.

Perfeito para ir: numa tarde descontraída pela boêmia Cidade Baixa

Para mais informações acesse o Facebook do café

Fachada do Café da República
(Reprodução: Facebook/Café República CUP)
(Reprodução: Facebook/Café República CUP)

Logo em seguida, já paramos em outro (viciados do jeito que somos): Agridoce Café, eleito em 2017 o melhor café de Porto Alegre pela Veja Comer & Beber. Tudo impressiona. O ambiente requintado, cool e bem cuidado, os doces expostos, o fato de ter água filtrada de graça (saudades Europa), os atendentes rápidos e simpáticos… Tudo devidamente calculado para de fato estar no topo da lista. O cardápio é extenso: doces de todo tipo, cafés quentes, gelados, salgados… O menu é praticamente um livro! Mas no final das contas pedimos um cheesecake de frutas vermelhas (R$14,00) e uma torta trufada de chocolate amargo (R$13,00). Os dois doces vieram numa linda apresentação e estavam de comer ajoelhado.

Endereço: Rua Sarmento Leite, 1024 – Cidade Baixa

Horário: terça a domingo, das 12h às 22h. Fechado às segundas.

Perfeito para ir: nos domingos, depois de curtir o Brique da Redenção

Para mais informações acesse o Facebook do café

Fachada do Agridoce Café
Cardápio da Agridoce Café

 

 

Ah, eu já ia esquecendo… Não deixe de nos acompanhar nas redes sociais

Facebook: www.facebook.com/filosofiadeviajante 

Instagram: www.instagram.com/blogfilosofiadeviajante

Pinterest: br.pinterest.com/fdeviajante/pins (temos uma galeria de fotos super especial esperando por você)

Gostou? Quer nos contar sua experiência de viagem? Deixe um comentário!