O que fazer em dias de chuva em Florianópolis

Floripa é a Ilha da Magia, cidade das praias e das trilhas. Massa! Mas e se o tempo não colaborar e tiver chovendo ou nublado? O que posso visitar na cidade? Essa é uma dúvida frequente e trouxemos para você algumas dicas para resolver essas questões 😉

Centro Integrado de Cultura (CIC)

Auditório do Centro Integrado de Cultura (CIC). Fonte da foto: https://www.guiadasemana.com.br/florianopolis/arte/estabelecimento/teatro-ademir-rosa-cic

Vinculado à Fundação Catarinense de Cultura (FCC), é um centro com diversas formas de manifestação da arte de Santa Catarina. Sua estrutura conta com grandes salões de exposição, bibliotecas setoriais,  cinema, o Teatro Ademir Rosa, o Museu de Arte de Santa Catarina (MASC), o Museu da Imagem e do Som (MIS), as Oficinas de Arte, a Escolinha de Arte, o Ateliê de Conservação e Restauração de Bens Culturais Móveis e a administração da FCC (Fundação Catarinense de Cultura). Um lugar que amamos ir quando estamos com sede de novidades culturais! É um verdadeiro programa local.

Estacionamento: Possui um estacionamento bastante grande, onde é possível deixar o carro de forma gratuita.

Endereço: Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 – Agronômica.

Horário MASC: Terça a domingo das 10h às 21h.

Horário MIS: Terça a sábado das 10h30 às 20h30 e domingo das 10h30 às 19h30.

Para saber a programação e os horários do CIC, clique aqui.

Shopping Centers

Beiramar Shopping. Fonte: http://www.deolhonailha.com.br/florianopolis/noticias/apos-20-anos-de-funcionamento-americanas-encerra-as-atividades-no-beiramar.html

Definitivamente não é um dos nossos programas preferidos. Mas para quem gosta, Floripa tem muitos: Iguatemi, Beira-Mar, Floripa Shopping, Continente. Se não quiser fazer compras, pelo menos tome um café ou veja um filme.

Estacionamento: Há estacionamento pago em todos os shoppings.

Endereços e horários:

Floripa Shopping SC-401, 3116 – Saco Grande; Segunda a sábado das 10h às 22h e domingo das 11h às 21h.

Beiramar Shopping R. Bocaiúva, 2468 – Centro; Segunda a sábado das 10h às 22h e domingo das 11h às 22h.

Iguatemi Shopping Av. Me. Benvenuta, 687 – Santa Monica; Segunda a sábado das 10h às 22h e domingos e feriados das 11h às 22h.

Continente Shopping Rodovia BR 101 – KM 210 – Distrito Industrial, São José (vizinho a Floripa); Segunda a sábado das 10h às 22h e domingos e feriados das 11h às 22h.

Itaguaçu Shopping R. Gerôncio Thives, 1079 – Barreiros, São José; Segunda a sábado das 10h às 22h e domingos e feriados das 11h às 22h.

Centro

Catedral de Florianópolis
Museu Cruz e Sousa

Na região do Centro encontramos, quase que concentrados no mapa, a Catedral Metropolitana de Florianópolis, o Palácio Cruz e Sousa e um pouco mais afastado (500 metros), mas ainda acessível a pé, o Mercado Público. A igreja é linda por dentro e merece uma visita, mesmo para os não católicos. O Palácio Cruz e Sousa é um casarão do século 18 que combina os estilos neoclássico e barroco. Não há uma data certa da construção do prédio — os primeiros registros mostrando o prédio são de 1785. Ele serviu de sede do governo da antiga Província. Hoje abriga o Museu Histórico de Santa Catarina, além de expor a biografia do ilustre poeta Simbolista catarinense Cruz e Souza, que era “manezinho da Ilha”. Há inclusive uma sala com seus restos mortais.

O Mercado Público não é tão completo quanto o de outras cidades (como Curitiba), mas vale uma passada. São diversos restaurantes, bares, açougues, hortifrutis e lojas de lembrancinhas.

Estacionamento: Além de ser difícil encontrar uma vaga, na maioria dos lugares você vai precisar pagar pelo estacionamento rotativo (R$2/hora; informe-se nos parquímetros ou com os fiscais) ou por um estacionamento privativo (preço variável). Sugerimos que você vá de transporte público e desembarque no TICEN, já que é muito mais fácil.

Endereços e horários:

Catedral – R. Padre Miguelinho, 55 – Centro. Todos os dias das 6h às 24h

Palácio Cruz e Sousa – R. Ten. Silveira, 60 – Centro. Terça a sexta das 10h às 18h e finais de semana das 10h às 16h. Custa R$5 (inteira) e $2 (meia) – para estudantes, professor e menores. Gratuito para menores de 5 anos, idosos e aos domingos.

Mercado Público –  R. Jerônimo Coelho, 60 – Centro. Segunda a sexta das 7h às 22h e finais de semana das 7h às 17h. 

Fortaleza de São José da Ponta Grossa

Fortaleza de São José da Ponta Grossa

Por estar localizada no topo do Morro da Ponta Grossa, entre as praias de Jurerê e do Pontal, você tem uma vista privilegiada para a Baía Norte. Além disso, pode-se visitar a Capela da Fortaleza, a Casa do Comandante e uma outra construção em que, atualmente, rendeiras confeccionam e vendem suas rendas de bilro (tradição em Floripa). Temos um post completo sobre esse passeio aqui.

Estacionamento: Possui estacionamento gratuito, mas com poucas vagas – chegue cedo.

Endereço: Servidão da Carioca, s/n – Praia do Forte (norte da Ilha)

Qual é o horário de funcionamento?
Todos os dias do ano, inclusive feriados.
Baixa temporada (março a dezembro): 9h às 12h e 13h às 17h.
Alta temporada (verão): 9h às 12h e 13h às 19h.

Quanto custa? Inteira: R$8; Meia: R$4 (dá pra apresentar atestado de matrícula + identidade).

Projeto Tamar

Em 2005, para minimizar os efeitos predatórios da poluição e da pesca  sobre as tartarugas marinhas, o Projeto TAMAR instalou a sua base na região de Florianópolis, na praia da Barra da Lagoa, uma das mais famosas da costa leste da ilha.

O Museu do TAMAR (um dos poucos do Brasil, em vários outros locais do país há somente bases de pesquisa, não de educação) auxilia no trabalho de conscientização e educação ambiental de visitantes, comunidades e pescadores. São cinco tanques de observação de espécies de tartarugas marinhas que desovam no Brasil, sala de vídeo com intuito educacional e exposições, espaço para as crianças e loja para venda de produtos que auxiliam o projeto.

Estacionamento: Não há estacionamento próprio, mas como fica bem perto da praia, é fácil encontrar vagas relativamente perto do local.

Endereço: R. Prof. Ademir Francisco, s/n – Barra da Lagoa.

Qual é o horário de funcionamento? Todos os dias, inclusive feriados, das 9:30 às 17:30. De 21/12/2017 ao dia 18/02/2018 (alta temporada), das 10:00 às 19:00.

Quanto custa? Inteira: R$15. Meia: R$7,50(apresentar atestado de matrícula e identidade ou carteirinha de estudante oficial). Gratuitade para crianças até 1,20 m.

Centrinho Histórico do Ribeirão da Ilha

Fonte da foto: https://floripatemporada.com/ribeirao-da-ilha/

O Centrinho Histórico do Ribeirão, no Sul da Ilha, é um dos poucos lugares que ainda preserva registros da colonização açoriana na cidade. No mesmo bairro, você pode ver uma igreja bicentenária (Igreja Nossa Senhora da Lapa do Ribeirão, de 1806) e um museu (Ecomuseu do Ribeirão da Ilha), comer uma refeição típica e comprar um artesanato tradicional. Para quem quer um passeio mais cultural e histórico, é uma das melhores opções, junto a Santo Antônio de Lisboa, no Norte. Na questão gastronômica, o forte são as ostras, que podem ser recolhidas do mar na hora que forem consumidas e podem ser  preparadas de divers

as maneiras. É possível chegar de carro e estacionar na rua (em geral há vagas) ou chegar de ônibus (pela linha Ribeirão da Ilha convencional ou executivo, a partir do Terminal do Rio Tavares – TIRIO).

Centrinho de Santo Antônio de Lisboa

Fonte: https://www.meusroteirosdeviagem.com/2012/08/santo-antonio-de-lisboa-floripa.html

Outro bairro, que como o Ribeirão da Ilha, ainda guarda traços da colonização açoriana na cidade. A fotogênica Igreja Nossa Senhora das Necessidades, é um dos pontos a se visitar (e tirar muitas fotos, é claro). Uma das características mais marcantes desse lugar são as casas coloridas com janelas e portas pintadas de cores diferentes, de tons forte. Existem também muitas lojinhas de artesanato local, onde é possível comprar lembrancinhas de Floripa. O mar daqui, por sua vez, é de pescadores, não tão propício para banho, contudo com um dos pores do sol mais belos da Ilha. Aqui também há restaurantes de boa qualidade, onde é possível almoçar muito bem. Um ótimo lugar para relaxar e curtir a paisagem da região.

Paradigma Cine e Arte

Fonte da foto: https://ndonline.com.br/florianopolis/plural/dentro-de-shoppings-e-com-ingressos-caros-cinemas-sao-inacessiveis-a-maior-parte-da-populacao

Nós amamos esse cinema S2! Com a proposta de trazer filmes diferentes dos oferecidos pelo circuito tradicional (principalmente os de shopping centers), os filmes em cartaz sempre trazem temas interessantes, que vão da História à Psicologia, entre outros assuntos. O Facebook deles é sempre bem atualizado e é onde eles colocam os trailers dos filmes em cartaz. Recomendamos muito para os dias em que o clima não ajuda.

Estacionamento: Há um estacionamento exclusivo, mas é pago (R$8 para todo o tempo da sessão). Há também um ponto de ônibus exatamente na frente do Corporate Park, onde fica o cinema, sendo um lugar de fácil acesso se você for de ônibus (nós já pegamos diversas vezes a linha TITRI-TICAN com esse fim).

Endereço: SC-401, 8600 – sala 2 – Santo Antonio de Lisboa.

Para consultar a programação clique aqui.

Quanto custa? Inteira: R$30. Meia: R$15. Todas as segundas: Inteira R$25; Meia R$12,50.

Teatro Álvaro de Carvalho

Fonte: http://vemfloripar.com.br/teatro-alvaro-de-carvalho-tac/

Nunca assistimos a um espetáculo aí (infelizmente), mas sabemos que é um excelente palco de apresentações culturais, principalmente no período noturno. Foi inaugurado oficialmente em 7 de setembro de 1875, quando havia uma necessidade de uma espaço de cultura novo na até então Desterro. Passou por um momento de abandono, mas atualmente está bem cuidado e é um point para quem gosta de apreciar os eventos culturais da cidade.

Estacionamento: Possui estacionamento logo ao lado do teatro, mas é pago (por hora). Como é no Centro, pode ser difícil encontrar vagas na rua.

Endereço: R. Mal. Guilherme, 26 – Centro.

Horário: visitação de terça a domingo das 13h às 19h. Os horários dos espetáculos variam.

Para consultar a programação, clique aqui.

Teatro Governador Pedro Ivo

Fonte: http://vemfloripar.com.br/teatro-governador-pedro-ivo/

O teatro mais novo de todos, abriu suas portas para receber o público pela primeira vez em 21 de novembro de 2008. Para os viciados por apresentações culturais, há diversas gratuitas no mês, só é preciso estar atento na programação do site ou no Facebook, que é bem atualizado. Tá vendo que não faltam opções de teatros na capital catarinense, não é mesmo?

Estacionamento: Gratuito para o público do teatro, porém é pequeno.

Endereço: Rodovia SC 401, Km 15, 4600, Saco Grande.

Para consultar a programação, clique aqui. 

Mercado São Jorge

Fachada externa Mercado São Jorge

Um dos meus mercados favoritos em Floripa! Além de ter um café (já citado no post de cafés de Floripa, nesse link), há uma sessão com frutas e verduras orgânicas, uma parte com pães e queijos, um pub (que delícia de cervejas artesanais!), uma sorveteria (com gelatos artesanais e alguns sabores inusitados também) restaurante (todo dia há um cardápio diferente). Dos dois endereços, o que mais gostamos é o do Itacorubi, pois é maior e possui maior opção de produtos, mas a loja do Centro também é ótima.

Estacionamento: No endereço do Itacorubi não costuma ser difícil encontrar vagas, pois é uma região residencial. Já no endereço do Centro, é mais difícil encontrá-las, mas dá para colocar o carro no Beira-Mar Shopping (que é bem perto do mercado). Se puder, vá a pé ou de bike 😉

Endereços e horários:

Itacorubi – R. Brejauna, 43 – Itacorubi. Segunda a sexta das 9h às 22h e sábado das 9h às 18h.

Centro – R. Bocaiúva, 2186 – Centro. Segunda s sexta das 8h às 21h  e sábado das 8h às 17h.

Cafés e confeitarias

Mini-cupcake de limão com amora, mini-cupcake de leite ninho e uma soda italiana de framboesa

Já temos um post sobre os cafés e confeitarias mais legais de Floripa aqui. Nada melhor que, em dias de chuva ou dias nublados, comer um bolo delicioso acompanhado de um café! Nós, pessoalmente, amamos! O maior problema dessa opção é que não é gratuita. Uma grande vantagem (além de comer e fazer bem para a alma hahah), por sua vez, é que é possível bater um papo bem longo. A ideia das cafeteiras é justamente essa, sentar com calma e conversar sem pressa.

E aí, o que achou das dicas do post? Deixe um comentário abaixo 😉

Gostou? Quer nos contar sua experiência de viagem? Deixe um comentário!